logo
barraCinza
barraBranca

Dias das Mães

Por Themis Pereira de Souza Vianna
 

 

Uma mulher existe, que pela imensidão de seu amor, tem um pouco de Deus e muito de anjo. Pela incansável solicitude dos cuidados seus, uma mulher que ainda jovem tem a tranquila sabedoria de uma anciã. Na velhice, admirável vigor da juventude, se de pouca instrução, desvenda com intuição inexplicável os segredos da vida, e se muito instruída, age com simplicidade de menina.

Uma mulher, que sendo pobre, tem como recompensa a felicidade dos que ama, e quando rica, todos os seus tesouros daria para não sofrer no coração, a dor da ingratidão.

Uma mulher, que sendo forte, estremesse com o gemido de uma criança, e sendo frágil, consegue reagir com a bravura de um leão.

Uma mulher, que enquanto viva, não lhe damos o devido valor, porque ao seu lado, todas as dores são esquecidas, entretanto quanto morta, daríamos tudo o que somos e tudo o que temos para vê-la de novo, ao menos por um só momento.

Receber dela um só abraço, e ouvir de seus lábios uma só palavra.

Feliz dias das mães a todas as mamães!

Themis Pereira de Souza Vianna

institucional anuncie contato